sexta-feira, 27 de maio de 2011

MINAS GERAIS

Caros leitores (as), nestes dias descobri aqui por perto um poeta. Ele em suas viagens pelo Brasil afora fez brotar, ao ver várias paisagens e muita beleza, sua poesia. Gostaria, então, de divulgá-la. Esta que vocês lerão traz como título Verde mais, mas na verdade, o nosso poeta quer falar de Minas Gerais.



No coração do Brasil tem uma Mina
Uma Mina que fulmina
Gente que fabrica queijo
De São Lucas, São Lázaro e São Braz.

Numa montanha uma mata
Uma mata de verde Gerais
Que ilumina e que irradia o húmus pros cafezais.

Verde preto, verde branco, verde claro, verdes tais...
Que se confundem com o sol e o roxo.
Que verde é esse?
É verde mais,
Verde louro dos milharais.

No carro o vento traz seu zunido.
Eu calado sorrindo
Matutando um pensamento que geme para nascer
Nos berços de Minas Gerais.

* Autor: Evandro Aires de Carvalho

Nenhum comentário:

Postar um comentário